Camuflagem e Mimetismo

Olá meus queridos alunos. Hoje estudaremos um dos temas mais interessantes. A camuflagem e o mimetismo. 
                                        Camuflagem
                 Vamos analisar as imagens e ver alguns conceitos sobre o que é camuflagem



                                                         Mais uma definição

Leram? Conseguiram entender? Podemos dizer que na camuflagem é quando um  ser vivo imita o ambiente. Tornando assim difícil de identifica-lo do ambiente.
                                                          Veja nos exemplos abaixo.
Temos nessa imagem um lindo exemplo de camuflagem, onde o bicho-do-pau se assemelha aos gravetos. Conseguiram acha-lo?
                         Nessa imagem abaixo temos a Lagartixa-satânica-cauda-de-folha.
                                                Reparem que ela se assemelha as folhas.
                                Uma mariposa assemelhando ao pedaço de uma árvore.
                                         Coruja com sua cor assemelhando a uma árvore.
               Sapo-folha imitando as folhas. Reparem bem que o sapo imita até os detalhes da folha
Essa camuflagem é sensacional. Temos um lindo exemplo de camuflagem do bicho-da-folha. 
Detalhes, eles imitam até as nervuras das folhas. Fala ai galerinha, que coisa mais linda
                                  Outro inseto imitando a folha. Conseguem identifica-lo?
Linda camuflagem. Digo espetacular camuflagem. Conseguem identificar algo? Nessa imagem tem um animal. A Lagarta Barão Comum. Acharam?
Outra camuflagem maravilhosa. Estamos presenciando um verdadeiro show de camuflagem 
Nessa imagem temos um animal. Temos uma aranha do deserto. E ai galerinha. Acharam?
                          Agora vamos estudar o mimetismo que se assemelha a camuflagem
                                                      Mimetismo definição

Entenderam a definição? No mimetismo um ser vivo imita o outro ser vivo. Vamos ver as imagens e analisa-las.

Nessa imagem temos duas borboletas certo? Porém elas são de espécies diferentes. Ué como assim.
Vejam bem. Do lado esquerdo temos uma borboleta-monarca. Certo. E do lado direito temos uma outra espécie de borboleta. A borboleta vice-rei. A borboleta-monarca tem um gosto ruim (não palatável), ou seja, quando um pássaro se alimenta da borboleta-monarca ele sente um gosto ruim. E ai ele aprende e não come mais essa borboleta. Já a borboleta vice-rei tem um gosto agradável (palatável), ou seja, quando um pássaro se alimenta  da borboleta vice-rei ele sente um gosto bom. Então a borboleta vice-rei ( palatável), imita a borboleta-monarca ( não palatável). Moral da história. A borboleta vice-rei (palatável) é confundida com a borboleta-monarca (não palatável) e dessa forma a borboleta vice-rei  não é predada, ou seja, caçada. Conseguem perceber a diferença entre as duas borboletas?
                                                                      Cobra coral
Agora galerinha vamos ver um outro exemplo, só que agora com cobras. Na foto acima temos um cobra coral verdadeira. E na foto abaixo uma cobra coral falsa. Conseguem perceber as diferenças?


 A cobra coral verdadeira é uma cobra peçonhenta. Ela consegue injetar veneno na vítima. Já a cobra coral falsa é uma cobra não peçonhenta, não consegue injetar veneno na vítima. Então a falsa coral imita a verdadeira coral para pensarem que ela é perigosa. Mas na verdade só a coral verdadeira é perigosa e a falsa não é. Entenderam? Mas vocês conseguem ver as diferenças entre as duas cobras? Vamos lá analise a cor preta e amarela das duas cobras. Viram a diferença agora? Então bora lá para mais mimetismo.

Olha que lindo exemplo de mimetismo. Uma aranha imita uma formiga. Assim fica mais fácil de predar, ou seja, mata-la. Quando um predador imita a presa fala-se em mimetismo agressivo.

                                     Dois  exemplos de aranhas que imitam formigas. 
                                 Galerinha. Que animal é esse? Conseguem identifica-lo?


                                                     Olhem mais uma foto
É a borboleta-coruja. Ela parece ter dois olhos de corujas, e isso espanta os predadores. Veja na imagem abaixo duas borboletas-corujas, uma do lado da outra. Agora reparem que de baixo das borboletas em uma coruja de verdade. Viram? Essas borboletas imitam as cores e olhos da coruja.

Galerinha, vocês acreditam que até as plantas imitam os animais. Pois é. Isso é verdade. Olhe essas orquídeas. Elas imitam insetos como por exemplos as abelhas. O macho da abelha zangão pensa que a orquídea é uma abelha rainha, ai ele vai copular (cruzar) com ela. Vocês sabem porque as orquídeas imitam as abelhas. Por que, quando o macho zangão pensa que esta que esta copulando (cruzando) com a abelha rainha  ela fica sujo de grãos de pólen. Ai quando o zangão vai cruzar com outra orquídea pensando ser a rainha ele leva os grãos de pólen de uma orquídea para outra. Sendo assim ele ajuda as orquídeas a se reproduzirem.
Veja nas imagens abaixo. 
Do lado esquerdo temos uma abelha macho o zangão copulando com a orquídea.
E do lado direito temos a orquídea que imita insetos.

                                                                                         Mais uma foto de orquídea abelha.
                                                     Show de bola essas orquídeas.
Agora galerinha para finalizar vamos fechar a aula vendo a diferença  entre camuflagem e mimetismo. Camuflagem o ser vivo imita o ambiente e mimetismo o ser vivo imita outro ser vivo. Camuflagem e Mimetismo são estratégias de sobrevivência.
                                                        Veja a imagem abaixo

Galera! Espero que tenham gostado. Obrigado por estudar mais uma aula. Até a próxima.

Profº Weslei

0 comentários:

Postar um comentário