Sistema Genital

Sistema Genital

Olá meus queridos alunos. Hoje estudaremos o aparelho genital masculino e feminino. Boa aula a todos.

Sistema Genital

O sistema genital masculino e feminino é composto por órgãos externos e internos. O sistema genital ao contrário dos outros sistema não é fundamental para sobrevivência do organismo. Porém é muito importante na reprodução e perpetuação da espécie.
Sistema Genital

O sistema  genital masculino é composto por órgãos interno ( testículos, epidídimo, ductos deferentes, glândula seminal, próstata e glândula bulbo-uretrais ) e órgãos externo ( pênis, uretra e escroto ).

Analise a imagem e localizem as estruturas genitais.

Sistema Genital

Reforçando a explicação:
03
Galera observem a representação artísticas das estruturas genitais masculinas abaixo.
Homens e mulheres possuem gônadas  e gametas . As gônadas são estruturas reprodutoras. As gônadas masculinas são os testículos e as gônadas femininas são os ovários. Os gametas são células sexuais. Os gametas masculinos são os espermatozoides e os gametas femininos são os ovários.
Testículos:  São glândulas pares localizadas dentro do escroto. A função dos testículos é produzir hormônio sexual masculino testosterona e célula sexual masculina o espermatozoide.
Túbulos seminíferos: São milhares de tubos finos onde ocorre a produção dos espermatozoides.
Epidídimo: Local onde os espermatozoides se desenvolvem e são armazenados.
Ducto deferente:  Canal por onde os espermatozoides passam para serem expelidos.
3
Mais uma representação artística indicando os testículos, epidídimo.
4
Agora que estudamos as funções dos testículos,vamos analisar algumas de suas características.
5
 Representação artística mostrando a localização dos testículos
6
Do seu lado esquerdo temos uma representação artística e do seu lado direito temos uma imagem real dos testículos.
9
Como foi dito anteriormente. A produção dos espermatozoides são produzidos dentro dos testículos nos túbulos seminíferos. Agora vamos estudar os espermatozoides.
Imagem real mostrando o gameta sexual masculino. O espermatozoide.
Galera os espermatozoides são células reprodutoras masculinas , responsáveis pela perpetuação da espécie. Eles possuem uma cabeça onde esta localizado o material genético e um flagelo que serve para ele nadar.
10
Imagem real mostrando o gameta sexual masculino espermatozoide fecundando o gameta sexual feminino óvulo.
11
Imagem mostrando a corrida dos espermatozoides para fecundar o óvulo.
12
Galera essa imagem abaixo mostra o espermatozoide fecundando o óvulo. Detalhe. De 300 a 500 milhões de espermatozoide apenas um fecunda o óvulo. Isso porque o óvulo é revestido por uma camada externa chamada de zona pelúcida. Após a fecundação essa camada sofre alterações bioquímicas impedindo que outros espermatozoides fecunde o óvulo. O espermatozoide vencedor fura essa camada por ação de enzimas. E após penetrar no óvulo, o espermatozoide perde sua a cauda e o material genético que esta na cabeça do espermatozoide ira juntar-se com o material genético do óvulo. Após a fecundação teremos a formação de um zigoto que sofrera diversas divisões celulares e  a formação do zigoto, e nesse processo a formação de um novo ser vivo.
13
Imagem real do espermatozoide.
14
As glândulas sexuais.
Glândula seminal: Produz secreções que nutrem os espermatozoides e formação do sêmen.
Glândula bulbouretral: Liberal um líquido que contribui pra a limpeza da uretra que é um canal ácido e que pode matar os espermatozoides.
Próstata: Secreta um líquido  que limpa a uretra e aumenta a mobilidade dos espermatozoides.
Analise a imagem abaixo e localize as glândulas sexuais masculinas.
15
Analise as imagens abaixo e acima  e observe  a produção dos espermatozoides até a ejaculação:
Os espermatozoides são produzidos dentro dos testículos nos túbulos seminíferos. Depois de produzidos, os espermatozoides se desenvolverão  e serão armazenados nos epidídimos. E no momento da ejaculação sairão dos epidídimos e passarão pelos canais deferentes. As glândulas sexuais auxiliam na limpeza da uretra nutrem os espermatozoides e secretam líquido que auxiliam na sua mobilidade. Dos canais deferentes em azul os espermatozoides passarão pelo canal da uretra em marrom, onde serão eliminado para o meio externo por meio do orifício urogenital.16
O escroto:
O saco escrotal ou escroto é uma bolsa que armazena os testículos. E é responsável por  manter a temperatura ideal na produção dos espermatozoides.
Quadro mostrando outros detalhes do escroto.
7
Vasectomia:
É uma cirurgia realizada no aparelho genital masculino para evitar a gravidez. Essa cirurgia é realizada com um pequeno corte no canal deferente, que interrompe sua saída para o meio externo. Observe a imagem.
0017
Observação: A vasectomia não interfere no apetite sexual.
017
O pênis:
Basicamente falando, o pênis é o órgão copulador masculino. Analise o quadro abaixo e veja mais detalhes.
8
Representação artística mostrando a estrutura pênis.
019
O pênis tem a capacidade de ficara ereto devido a dois tecidos eréteis. O corpo esponjoso que enche-se de sangue apesar de não ajudar muito. Porém o trabalho maior é realizado pelos corpos cavernosos que é muito irrigado por vasos sanguíneos. É esse fluxo sanguíneo nos vasos dos corpos cavernosos que mantém o pênis erétil.
Observe no desenho o corpo cavernoso.
19
Representação artística mostrando as estruturas eréteis, os corpos cavernosos e o corpo esponjoso. Outros constituintes do pênis são, a pele peniana, a glande que é a cabeça do pênis e o prepúcio uma pele que recobre a glande e o pênis.
20
21
O aparelho genital feminino é composto por estruturas internas e externas. As estruturas internas são: os ovários, tubas uterinas, útero e vagina. As estruturas externas são: os pequenos e grandes lábios, clitóris, monte púbico, vestíbulo da vagina, bulbo dos vestíbulos, e glândulas vestibulares. A função do aparelho genital feminino é produzir gametas e hormônios sexuais femininos, receber os espermatozoides durante a cópula e oferecer condições para o armazenamento e desenvolvimento do feto e o parto.
Analise o quadro e observem as estruturas genitais interna e externas.
23
22
As estruturas internas do aparelho genital feminino.
Ovário: Órgão par responsável pela produção de gametas femininos os óvulos.
Tuba uterina: Local onde ocorre a fecundação. Transporta o óvulo fecundado ou não até o útero.
Endométrio: Tecido rico em glândulas, vasos sanguíneos e vasos linfáticos. Durante a puberdade ele fica mais espesso e mais vascularizado preparando o organismo da mulher para a gravidez. Não ocorrendo a fecundação parte do endométrio que se desenvolveu é descamado e eliminado saindo na forma de sangue. Fenômeno esse conhecido por menstruação.
Útero: órgão que protege e sustenta o embrião e o feto na gravidez.
Vagina: É um órgão sexual feminino que recebe o pênis durante o ato sexual. E serve de passagem da criança na hora do parto.
Colo do útero: Permite a entrada do esperma no útero, saída do fluxo menstrual e se dilata no momento do parto para o bebê sair.
Vulva: Região externa no aparelho genital feminino,revestida por pelos pubianos e também por pequenos e grandes lábios.
28
Analise o quadro abaixo, mostrando a descamação do endométrio.
31
Observe o quadro abaixo mostrando outras informações do sistema genital feminino:
23
O hímen:
É uma película que fica na entrada da vagina. Durante a infância ela é mais espessa com função de impedir infecções genitais. No decorrer puberdade ela se torna mais fina e pouco resistente. E no primeiro ato sexual ela é rompida definitivamente.
Analise os quadros a seguir:26
Percebam que o hímen tem vários formatos.
27
A fecundação
Como foi dito anteriormente a fecundação ocorre nas tubas uterinas. Observe a liberação do óvulo pelo ovário. Acompanhe a seta em preto. Óvulo não fertilizado, óvulo fertilizado por um espermatozoide, observe a divisão celular do óvulo fecundado no estágios de 2 células, 4 células, 8 células, até a formação do embrião onde irá fixar-se na parede uterina e completar o seu desenvolvimento até a formação do feto.
29
 A Laqueadura
É um processo cirúrgico que corta as tubas uterinas ( local onde ocorre a fecundação ) impedindo que os espermatozoides cheguem até o óvulo liberado pelo ovário.
Observe as imagens:
31
Exemplos de laquedura procedimentos cirurgicos realizados nas tubas uterinas
30

Galera. Espero que tenham gostado da aula. Até a próxima.


Profº Weslei.

0 comentários:

Postar um comentário